Quinta-feira, 24 de Fevereiro de 2005

...

a minha filha mais velha,

de onze anos, não se aguenta no mesmo metro quadrado que o meu filho do meio, com oito. Ao pé dela, ele não pode falar, não pode comer, não pode cantar, não pode existir. Os barulhos dele incomodam-na, os raciocínios dele exasperam-na, as brincadeiras dele irritam-na. Inconscientemente separamo-los, hoje vais para os avós, amanhã vais tu, e separamo-nos, eu vou com ela e tu ficas com eles, única hipótese de tréguas na guerrilha urbana que por vezes se vive cá em casa. Ao mínimo nãomotivo, uma raiva irracional irrompe por ela fora, transformando uma miúda doce e compassiva num animal selvagem em defesa do território. Eu, filha única, alheia às erupções violentas do amor fraterno, não cesso de me interrogar se a culpa é minha e se estarei a falhar em alguma coisa. Irmãos e irmãs de irmãos e de irmãs, dizem-me que não me aflija, que é mesmo assim e que ambos não passam de peões numa batalha de ciúmes mastigados, à conquista dos mesmos espaços, coisas e afectos. E que, na maior parte das vezes, os grandes ódios de infância degeneram em grandes amizades adultas. Renhidas, pejadas de arestas, cortantes, mas figadais. Deus queira.
publicado por Vieira do Mar às 06:30
link do post | comentar | favorito
vieiradomar@sapo.pt
Sofia Vieira

Divulga também a tua página

. Setembro 2013

. Novembro 2011

. Setembro 2010

. Junho 2010

. Janeiro 2010

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Agosto 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Outubro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Agosto 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Janeiro 2007

. Outubro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005