38 comentários:
De Márcia Carvalho a 1 de Outubro de 2008 às 13:03
Ui! Tempo e paciência nunca temos o suficiente caso contrário eu teria percebido essa questão de quem mama e quem não mama! A minha intenção era apenas brincar com a situação é lembrei-me do outro texto. Os meus filhos mamaram pouquíssimo e nunca perdi o sono com isso seria a última pessoa a apontar qualquer coisa nessa linha. Está provado que eu não tenho tanto jeito para escrita como a Vieira, é o qeu é!. Não queria causar nenhuma discussão... pura ironia falhada!! Meto a viola no saco e saio de fininho. (ufa, primeiro comentário num blog que leio há tanto tempo e meti logo argolada, grande porra!!)
De Vieira do Mar a 1 de Outubro de 2008 às 16:18
Não sai nada de fininho, Márcia, fique!, ora essa (risos). Toda a gente que "vier por bem", como diz o outro, é sempre bem-vinda... às vezes a ironia e a brincadeira não se percebem logo. Podia ser uma pessoa normal a brincar (como pelos vistos foi) ou uma maluca fundamentalista a espichar veneno. E a nossa resposta tem de dar para os dois lados... Por isso não se acanhe, leia à vontade, fique e desculpe-me alguma acrimónia, mas muitos anos de blogoesfera e de criaturas malucas a morderem canelas às vezes deixa-nos na retranca. ;)

Comentar post