Quarta-feira, 1 de Outubro de 2008

a recém... artista

A minha filha mais velha saiu do confortável casulo/colégio particular em que sempre andou, para ingressar numa escola pública, na vertente "Artes Visuais". Começou pela sandalucha de missanga no dedo, avançou para a calça balão dos indianos e as túnicas étnicas com decotes violentos; depois vieram os brincos compridos a chocalhar, um diferente em cada orelha, mais dois ou três furos por aí acima e uma espécie de anel na parte superior da cartilagem (sem furo, por enquanto). Os cabelos já lhe vão a meio das costas, as pontas demasiado espigadas e, enrolados ao pescoço, aqueles horrorosos lenços aos quadrados do hezbolah. Toma dois banhos por dia mas não parece e já me fala em piercings no umbigo e num brilhantezinho – daqueles pequeninos, vá lá mãe! –na narina esquerda.

 
Declaração de interesses: eu sou basicamente uma beta. Uma beta hippy-chique, mas uma beta. Simpatizante dos norte-americanos, da causa judaica, da sociedade de consumo, da Vanity Fair, da Net a Porter e das botas Prada, pois há muito que me habituei a usar luvas nos pés. Sei que é bastante saudável e até desejável,  isto de os adolescente cultivarem a sua individualidade afirmando as diferenças e por aí fora, mas também sei que  terei de me submeter rapidamente a uma cirurgia para alargar o esófago: só assim conseguirei engolir os sapos que aí vêm.
publicado por Vieira do Mar às 11:58
link do post | comentar | favorito
38 comentários:
De Mar a 2 de Outubro de 2008 às 16:46
Olha, vou atrever-me a comentar (que há personagens da blogosfera que não comento, só leio, e a Vieira é uma delas).

Quem me dera! Eu tenho pesadelos é com o contrário (e se me sai uma beta? Daquelas com as botas em bico e maquilhagem e cabelos esticadinhos? É que com artistas (que tomam banho) eu sei lidar, com betas é que não.

Será por ter dado de mamar? ;) Se for, estou safa!
De Vieira do Mar a 2 de Outubro de 2008 às 17:51
Ai, Mar... com mama ou sem mama as miúdas chegam a certa altura e querem é cortar o cordão com a mãe - só as totós continuam com 15 anos agarradinhas às saias da progenitora... ;) Quanto ao look, eu nem desgosto, ela fica gira de qualquer maneira (isto é a miopia materna a falar!), agora aquela coisa dos arganéis espalhados pelo corpo é que não suporto. Nem admito, querem lá ver!
Para alguma coisa ainda me servem estas résteas de autoridade... estas migalhas, vá. :)
De Vieira do Mar a 2 de Outubro de 2008 às 17:54
Ah! Mas maquilhagem ela usa: há que disfarçar as borbulhas... E teve sorte, tem uma pele branquinha onde assenta bem qualquer basezita, não é como a mãe, que com tanta sarda nunca pode disfarçar nada... E também pinta as unhas de cores improváveis, uma grande pirozice mas isso já não posso proibir, uma questão de bom-senso. Quanto às botas em bico, pois, acho que prefiro a sandalucha. :):)
De Márcia a 3 de Outubro de 2008 às 11:28
(voltando ao ataque) Sinceramente o que me assusta mesmo são as tatuagens! O que fazer, dizer, pensar, credo!! Ainda por cima o meu mais velho (4 anitos) que já é um cromo da bola (ah idolos fantásticos) e aquela gente que parecem folhas de papel de tanta escrita que têm em cima!!!
De Vieira do Mar a 3 de Outubro de 2008 às 15:21
Uma ou outra tatuagem pequena até acho graça, mas não especialmente no corpinho da minha filha...(risos). pelo menos, não até ela ter idade suficiente para ter a certeza de que quer uma coisa na pele de forma permanente e para sempre. Mas acho que não deves temer pelos teus, são tão novinhos, até lá mudam as modas.;)
De Nana a 6 de Outubro de 2008 às 10:25
Eheh, eu, que ainda estou mais perto de ser filha do que de ser mãe, confesso q acho engracado q todas as maes tenham esses medos... ainda me lembro quando tinha uns 14 anos (ha muuuuito muuuito tempo... ou nem por isso!), a moda eram as calcas tão largas em baixo que mais pareciam duas saias cosidas uma à outra... e ainda me lembro dos arrepios que davam à minha mae cada vez q eu as vestia...
Hoje em dia é mais ao contrario, em vez de ser ela a criticar a minha roupa, sou eu a criticar a dela... Enfim, os tempos evoluem... eheh

Beijinhos
Nana
De DH a 6 de Outubro de 2008 às 13:58
Ih ih ih, eu sou mae de 29 com uma pimpolha de 5. A minha menina eh mto princesa, mto cor-de-rosa, mto vestidos e cabelos compridos. A mae usa piercing na narina direita, faz tatuagens enormes nas costas, usa calças largas.

Qd chegar a adolescencia dela, vai-se (vai-me) perguntar por que raios a mae eh que se julga teen.

Cara Viera, a analisar por tudo o que eu fiz, a tendencia eh para piorar e muito. Mas eu era um horror para a minha mae, um horror.

Unamos as maos, juntemos chakras e supliquemos a Buda a favoravel e higienica evoluçao da sua filha LLOLL!
De cdgabinete a 8 de Outubro de 2008 às 07:30
Não pude deixar de sorrir com este post....
Eu sou uma beta... e a minha irmã (9 anos mais nova do que eu).... bem... digamos só que tem um estilo muito diferente do meu! Mas com o tempo habituamos-nos..... São só fases... tendem a passar... é preciso é alguma paciencia, e precisamente uns copinhos de água mineral que ajudam sempre com os sapos :)
De Ana a 8 de Outubro de 2008 às 15:18
Tenho 31 anos, e 7 furos de piercings feitos á 12 anos em Londres no (auge da minha rebeldia) que não fecharam mesmo depois de tirar os ditos piercings, mas não me chateiam nada, agora as tatuagens tb tenho uma , essa sim é uma chatice...
1 conselho: apoie a ideia do brilhante ... ;)
De isabel a 22 de Outubro de 2008 às 09:51
Vieira

Tudo isso só demonstra que a rapariga tem pinta. È assim que se cresce e que se escolhe o caminho. Aqui em casa só não tolero (e felizmente não tem havido problemas desses) a falta de higiene: o J. anda com as sapatilhas desapertadas e com as calças a cair, que ande, a C. aparece a cada dia com mais um furo na orelha, problema dela. Se tiverem que ir comigo a um acontecimento que o exija obrigo-os a vestirem a rigor. De resto, rédea solta. Com excepção de tatuagens e piercings na língua ou loutros locais esquisitos.
De Catarina a 4 de Novembro de 2008 às 23:15
tem piada como essa fase da minha vida é ainda tão recente e já me parece tão absurda.. no entanto, faz parte.... certo?

parabéns pelo blog, e "muita merda", como dizemos no teatro, para o que ai vem!
De paula sofia luz a 23 de Novembro de 2008 às 21:33
Que maravilha de menina. Deixa-a curtir essa fase. Eu já vou pondo as barbas de molho...bjs
De p D s a 22 de Dezembro de 2008 às 15:12
Vieira,

declaração de interesses:
- Pai
- Solteiro
- com um brinco desde os 14 anos (em 1984).
- com pequena Grande Princesa de 8 anos
( nota para as fundamentalistas: com muito orgulho apenas digo: NÂO!!! EU NÂO DEI! FOI MESMO DE BIBERON!)

Quanto ao assunto em epigrafe, confesso que tambem me intimida o evoluir da pekenota! apesar de ter ainda algum tempo (espero eu!) para delinear planos de contenção.

No entanto, já a "topo" com jogadas e planos cerebrais para me dar a volta, coisas simples do tipo "(abraço mimado e carinhoso ás 22:00 )... ó pai deixa-me lá ir contigo ao café, tb vais rapido não é ? - ao que respondo - Não filhota, tá frio e já te tinha dito que não, já é tarde...(ContraAtaque rapido e eficaz!!!) Ok Pai, então se não posso ir ao café, pelo menos deixa-me ri pró computador enkuanto não vens ...vá lá ??!?!?" ....não preciso de contar o resto !!! já sabem o que aconte"ce(de)u" !!!

...mas na tua situação, o que eu faria...farei, quando e se chegar a altura será :

- durante 15 dias, serei eu a "aplicar" tantos piercings quantos necessários, e a modelar o meu estilo ao mais "grunge" ou "hippie" ou o que seja...
e a dizer-lhe "...Ya, filha, afinal este estilo é memo buéda "dred", e tipo "desde que ando com o teu estilo sinto-me muito mais na onda! altamente..."

- Crieo que ela achará estranho, depois deduzo que perceberá o ponto, e acredito que moderará as opções...

Não condeno qualquer tipo de opção estetica ou estilistica...apenas condeno a falta de equilibrio e os exageros sem que exista uma causa que os justifique!

E pelo menos comigo tem fuincionado...quando ela menos espera, e aguarda um "ralhete", e se depara com uma aceitação "desbravada" e auq até a incita...acaba por perceber por observação aquilo que geralmente é dificil incutir por comunicação!

No entanto, tenho tb a percepção que são fases...e tb eu ma vesti muita malzinho benzó Deus em tempos idos!

Boa Sorte ,o) !

Comentar post

vieiradomar@sapo.pt
Sofia Vieira

Divulga também a tua página

. Setembro 2013

. Novembro 2011

. Setembro 2010

. Junho 2010

. Janeiro 2010

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Agosto 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Outubro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Agosto 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Janeiro 2007

. Outubro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005